Articles of 2018 Congress

To analyze the profile of registered diabetic patients in the program “Here’s People’s Pharmacy” of a commercial drug store in the municipality of Paraná-RN

Medeiros V.M1; Gomes M.D2; Andrade J.G.S3; Silva J.M.H.4; Cavalcante R.M.A5; Anjos S.S6
Diabetes Mellitus it is a condition that can result from defects secretion and/or insulin action involving specific pathogenic processes. To analyze the profile of registered diabetic patients in the program "Here's People's Pharmacy" of a commercial drug store in the municipality of Paraná-RN, checking the type of diabetes mellitus that is more present, the most commonly used drugs and what other diseases are reported. Study applied, descriptive and quantitative and qualitative, with a questionnaire to registered diabetic patients in the program "Here's People's Pharmacy" in a drug store located in the city of Paraná-RN. The study sample was 50 people. Of the participants, 96 % had diabetes mellitus type 2. The use of medicines, metformin was the most used (52 %), followed by glibenclamide (46 %) and insulin (2 %). With regard to the presence of other diseases hypertension and high cholesterol prevailed about 20 % and 8 %, respectively. It is important the involvement of health professionals in the treatment of diabetes and other chronic diseases, however, it is essential that the patient is aware that the greater responsibility and commitment are in himself, and ultimately with your family or caregiver.

Instruments for Personality Disorders Evaluation

Menezes A.C.S1; Oliveira J.Q2; Sá L.A3; Guimarães L.A.C4; Andrade J.M5
It is offered tools for the assessment of psychological constructs, such as the personality and its disorders, to Mental Health Professionals. Thus, it is pertinent to analyze which instruments / scales have been constructed and available for clinical use and research. Therefore, this study aimed to consult national and international literature about the instruments for Personality Disorders evaluation. Relevant databases were consulted in the area, and the search was restricted to the last 5 years of publication. It has been observed that, of the 14 instruments found, 2 assessed the TP borderline, 5 assessed the TP Obsessive-Compulsive Disorder (two with the Portuguese version) and 6 instruments focused on the assessment of all TP groups, and three measures validated for the Brazilian context. One was built in Brazil in 2008 (with psychometric properties verified in 2011) and the other in 2016. This data is consistent with the evidence of lack of instruments to assess pathological personality and those with diagnostic disorders personality purposes in the national context.

To enlighten the benefits of breastfeeding and investigate the influence of breastfeeding preparation and techniques on the frequencies of exclusive breastfeeding

Lemos N.D.C.B1; Monteiro J.P.A2; Anjos F.B.R3
Breastfeeding is internationally promoted as the ideal method of infant nutrition due to its numerous benefits to mothers, children, and communities. To enlighten the benefits of breastfeeding and to investigate the influence of breastfeeding preparation and techniques on the frequencies of exclusive breastfeeding. This systematic literature review was built from a bibliography research of scientific papers, publications and materials available on the Internet in English and Portuguese. From this research, four essencial themes were identified: benefits of breastfeeding, clinical management of breastfeeding, breastfeeding preparation and techniques, pain and discomfort in the practice of breastfeeding and nipple trauma. In the end, it was possible to notice that counseling sections with the mother throughout the pregnancy and after giving birth are fundamental to the effectiveness and exclusivity of breastfeeding.

To analyze the scientific evidences about nursing assistence in the management of oral mucositis in oncology patientes

Santana J.C1; Barbosa I.C.L2; Melo R.R2; Santos T.C.L2; Silva L.D2; Rodrigues A.J.3
Oral mucositis is a sequel of citoredutivo treatment induced by radiotherapy and / or chemotherapy, with signs and symptoms ranging from pain, swelling and burning sensation, to ulcerations in the oral mucosa. The nursig staff shoud be able to offer therapies that give the patient better quality of life, once because the professionals devolps closer contact with the patient and family. To analyze the scientific evidences about nursing assistence in the management of oral mucositis in oncology patientes. Integrative Review in databases LILACS, Scopus, SciELO, LILACS and BDENF with complete articles published in the last 10 years, in Portuguese, English and Spanish. It was demonstrated that nurses can provide treatments such as oral hygiene, administration of analgesics, cryotherapy, treatment of xerostomia, chlorhexidine rinses, sodium bicarbonate and other substances that promotes pain control in patients with consequent increase of quality of life. The impact of nurses' actions in improving the patient, control of oral mucositis, as well as studies that generate strong evidence for the development and / or enhancement of new nursing care are aspects to consider this issue.

To assess the presence of depressive symptoms in children

Sá L. A.1; Silva M. G. N. N.2, Oliveira J. Q.3; Souza A. C. 4, Andrade J. M.5
Depression is a disorder that interferes in lives of human beings in a broad and comprehensive manner in several respects. Objectives: To assess the presence of depressive symptoms in children and make a comparison between two different groups. The research is a pilot study, who is results of a Masters dissertation who is in development. It counted on two types of samples totaling 36 children. Was realized analyzes mean comparison between samples using the Student t test for independent samples. After accomplish the analyzes between the groups previously discriminated against in the survey, it was found that there was no statistically significant difference in the total score for the instrument of depressive symptoms between the clinical and the school group. However, when the analysis was redone and the groups were outlined by a median, it was found that there was statistically significant difference in the total score for the instrument of depressive symptoms between the upper and lower group. At the end of the study it was concluded that their main objective was successfully achieved. Nevertheless, this is still an early study, which needs to be given continuity and enhanced in order to obtain even more scathing informations.

O USO DO LÚDICO COMO FERRAMENTA PARA ENSINO DE CIÊNCIAS EM COMUNIDADES

Narciso, M.L1 Souza, F.L2 Lucas, L.A.S3 SILVA, E.V4 Anjos FB.R4 Ferreira Neto, J5. Jimenez, G.C5 Bastos, D.M.S5
O Ensino de Ciências vem, ao longo dos últimos anos, ganhando espaço nas discussões acadêmicas, em função da necessidade de utilização de métodos e estratégias mais atrativos para os alunos. A tendência de aliar o lúdico ao ensino das ciências vem ganhando destaque nas salas de aula, podendo ser observados o uso de jogos pedagógicos, de estórias em quadrinhos, de charges, de peças teatrais, de desenhos. A Palhaçoterapia envolve um profissional, que utiliza técnicas para mostrar e gerar saúde por outros ângulos de vida. A terapia do riso é muito difundida em hospitais, essa prática tornou-se relevante para o aperfeiçoamento do tratamento em crianças hospitalizadas. Esse recurso artístico, é levado nas escolas, creches e ONGs e possibilitando o desenvolvimento pessoal, permitindo ampliar o espírito crítico e o exercício da cidadania. O objetivo do trabalho foi desenvolver oficinas de arte que interligam os aspectos sociais, ecológicos e culturais, buscando a utilização do lúdico no ensino de ciências. Este trabalho foi realizado em uma ONG localizada na comunidade do Bode, bairro do Pina em Recife – PE, com crianças da comunidade local, entre 5 e 12 anos. Atividades didáticas foram selecionadas para estimular o pensamento reflexivo e cientifico das crianças associado ao conhecimento popular. Para efetuar a oficina de sustentabilidade foi realizada com as crianças uma conversa previa, com a finalidade de saber o conhecimento do grupo sobre a temática trabalhada. Em seguida foram confeccionados brinquedos de material reciclável, como: carrinhos de garrafa pet; marca páginas com palito de picolé e flauta de canudos. Para a oficina de montagem de insetos realizou-se um questionamento sobre os organismos coletados, investigando o conhecimento das crianças sobre esses organismos, sua importância ecológica e apresentar as características que os diferenciam. Em seguida foi feita a montagem dos exemplares. Para a oficina de analise vegetal foi realizada uma explicação sobre a anatomia das plantas e sua função. Em seguida foram confeccionadas lâminas para posterior analise em microscópio. Foi possível perceber que a ciência ensinada de modo lúdico e interativo proporciona um melhor envolvimento e aprendizado das crianças. De 15 crianças que participaram das atividades, apenas 3 não demostraram interesse, afirmando que o problema da falta de interesse pelas aulas de ciência ocorra pela ausência de estratégias que possibilitem uma aula mais dinâmica e prazerosa. A experiência é importante para o ensino não só porque dinamiza as aulas, mas também permite ao aluno vivenciar a descoberta, que leva ao entendimento dos fenômenos. A transmissão do conhecimento feita em conjunto à Palhaçoterapia, gera inclusão entre as crianças, alivia a realidade vivida pelas crianças e transmite a informação de uma forma mais clara ao público alvo.

DESVENDANDO A HANSENÍASE: UMA ABORDAGEM PARA A ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM

Silva, A.A¹; Oliveira, D.G²; Ramalho, M.N.A³
A hanseníase é uma doença infectocontagiosa muito antiga que representa, ainda hoje, um grave problema de saúde pública. Causada pelo Mycobacterium leprae, uma bactéria intracelular obrigatória que tem tropismo pela pele e nervos periféricos. No Brasil a hanseníase é diagnosticada tardiamente, aproximadamente, um ano e meio após o aparecimento dos primeiros sintomas. A falta de informação e a busca tardia pelos serviços de saúde contribuem para o diagnóstico tardio da doença. A Estratégia de Saúde da Família como porta de entrada para os serviços de saúde é responsável pelo diagnóstico, pelo tratamento e por ações educativas para os acometidos com a enfermidade, bem como para seus familiares e toda a comunidade. O profissional enfermeiro como parte integrante da equipe de saúde da família desenvolve atividades como prevenção, controle e tratamento da doença. Esta revisão integrativa objetivou identificar quais são as ações de enfermagem frente ao tratamento de pacientes com hanseníase. A revisão integrativa da literatura foi realizada a partir do levantamento bibliográfico de artigos científicos na base de dados Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS), Base de Dados de Enfermagem (BDENF) e Scientific Electronic Library (Scielo). Como critérios de inclusão, consideram-se os artigos científicos originais e completos publicados em periódicos nacionais e internacionais em língua inglesa e portuguesa nos últimos dez anos. Foram encontrados 52 artigos, porém 43 artigos foram excluídos por não contemplar os critérios de inclusão da pesquisa, restando 9 artigos para análise do conteúdo, sendo 2 artigos da LILACS, 3 SCIELO e 4 BDENF. Uma das funções da enfermagem é capacitar a equipe, fazer avaliação dermatoneurológica, garantir universalidade e acessibilidade da assistência para todos os pacientes com hanseníase, realizar escuta e comunicação terapêuticas, estabelecer vínculo, confiança e compromisso com o enfermo, contribuindo para diminuir o índice de abandono do tratamento. O enfermeiro deve considerar a singularidade e subjetividade de cada paciente, oferecer apoio e prestar todo esclarecimento acerca da doença, orientar quanto ao uso adequado da medicação e quanto à prevenção de incapacidades, orientar práticas de autocuidado e desconforto decorrente do tratamento. Minimizar o estigma social que a doença ainda carrega, reduzindo o preconceito e a exclusão social dos doentes por meio de ações educativas para a comunidade, além de ser responsável pela supervisão do trabalho dos Agentes Comunitários de Saúde que orientam a procura da unidade de saúde em caso de suspeita de hanseníase. Nenhum dos artigos trouxe como a enfermagem atua no tratamento de pacientes em caso mais avançados de hanseníase com presença de incapacidades. BDENF foi a base de dados com mais artigos encontrados relacionados à temática. Após realização do estudo ficou evidente a importância da assistência de enfermagem ao paciente com hanseníase e suas atribuições.

Adoção; Família; Homoparentalidade; Sociedade

Lima, L.F.A1; Oliveira, D.M.A²; Monteiro, G.P³; Asfora, R.L.M4; Silva, T.S.G5; Maia, C.S6
Na atual sociedade a qual nos deparamos, muitos são os tabus impostos, a adoção não é uma exceção, embora essa ideia venha sendo estimulada e passa por um processo de maior inclusão na realidade das famílias brasileiras. Desde os procedimentos legais até a opinião pública sobre o fato, é possível depara-se com visões deturpadas. Fato este que atrapalha a construção da relação criança-família, visto que esta precisa ser fortalecida nos primeiros anos da adoção e dificulta a ambientação da criança no lar em que ela será acolhida, podendo gerar em maior ou menor grau uma dificuldade de se aceitar, de aceitar a nova família e de até mesmo incluir-se na nova realidade escolar e social. Identificar quais os aspectos da vivência na adoção que são mais difíceis e/ou peculiares, bem como as atitudes que amenizam e ambientam a nova vivência. Realizou-se uma revisão bibliográfica da literatura nas bibliotecas virtuais SCIELO e BVSALUD, utilizando-se os descritores: “Família e Adoção”; “Adoção no Brasil”; “Psicologia e Adoção”. Como critérios de inclusão foram estabelecidos artigos publicados de 2010 a 2016, nos idiomas português e inglês, que relacionam a adoção, psicologia e a reflexão social. A pesquisa resultou em 1.723 artigos, dos quais 74 foram separados por apresentarem alguma relação com o tema, porém, apenas sete atendiam os critérios de inclusão. Nota-se que os quadros de adoção não divergem muito entre si comparados com os aspectos psicológicos gerais, é simples identificar que as famílias passam por um dos dois processos de adoção, seja ele de adaptação simples, de rotina o qual toda família passa ou a segunda categoria onde se agrava para problemas burocráticos e de segurança. Desta forma a nova família também se adapta para serem capazes de ofertar um ambiente estável e seguro no qual a criança possa identificar-se, crescer, tomar contato com a sua história e, enfim, criar a sua própria experiência. A sociedade contemporânea ainda apresenta problemas para com alguns determinados assuntos e o supracitado: a adoção é um deles. Os efeitos de tal visão e burocratização no processo faz com que seja nítido as formas de impacto, desde problemas adaptativos para com a criança ou com a família até complicações jurídicas. No entanto, é importante políticas públicas para a conscientização e campanhas para que seja criada a melhoria nas ideias da sociedade além de uma maior aceitação unida a facilitação para um ato tão nobre como o da adoção, que busca acalento para casais e crianças em busca do papel parental em suas vidas.