Article of American Journal of Chronic Diseases 

O USO DA ACUPUNTURA NO TRATAMENTO DE PACIENTES COM BRUXISMO

Monteiro G.P1; Oliveira D.M.A.O2; Lima L.F.A3; Asfora R.L.M4, Silva T.S.G5; Maia C.S6
1,2,3,4,5Estudante do Curso de Odontologia/UFPE; 6Docente/Pesquisador do Departamento de Histologia e Embriologia/UFPE

Abstract:
A acupuntura é uma técnica que visa a cura e/ou a terapia de diversas enfermidades por meio de estímulos produzidos pela inserção de agulhas através da pele nos tecidos subjacentes em diferentes profundidades em pontos estratégicos do corpo para produzir o efeito terapêutico desejado. Os primeiros estudos na área odontológica com essa técnica surgiram na França em 1974, e tem apresentado resultados significativos até hoje. O bruxismo é definido como o hábito de apertar, deslizar e ranger os dentes fora das funções normais de mastigação e deglutição, gerando progressivamente uma destruição dos componentes do sistema estomatognático. Nestes movimentos, a força realizada pelos músculos mastigatórios se sobrepõe as forças voluntárias realizas pelos mesmos, causando desgastes dentais exagerados e lesões nas estruturas de suporte. Avaliar a acupuntura como método eficaz no tratamento de pacientes com bruxismo Foi realizada uma revisão de literatura sobre a incorporação de acupuntura ao tratamento de bruxismo e sua eficácia, o que ocorreu através de uma pesquisa na base de dados da SciELO e LILACS, utilizando-se os descritores: “Odontologia”, “Bruxismo” e “Acupuntura”. Como critérios de inclusão foram estabelecidos artigos publicados de 2010 a 2016, nos idiomas português e inglês, que relacionam a acupuntura com o tratamento odontológico de desordens temporomandibulares, especialmente do bruxismo. A pesquisa resultou em 291 artigos, dos quais 32 foram separados por apresentarem alguma relação com o tema, porém, apenas quatro atendiam os critérios de inclusão. A ação terapêutica deve-se a inserção de agulhas em pontos estratégicos, atuando sobre os receptores nociceptivos, gerando um potencial de ação elétrico e um pequeno processo inflamatório local, o organismo reage liberando vários neurotransmissores que exercem ações analgésicas, antiflamatórias e relaxantes, aliviando a dor. Verificou-se que a eficácia do tratamento está entre 50 % a 85 % dos casos. No estudo, constatou-se diminuição do nível de atividade muscular em 60 % a 86 % dos pacientes, dependendo do grupo muscular analisado, quanto a duração, foi acompanhado durante cinco dias e os efeitos permaneceram durante todo o tempo o que justifica que, segundo os autores, essa terapia deve ser realizada semanalmente. É certo que há uma melhora significativa dos pacientes na terapia com acupuntura, porém esse meio de terapia, apesar de ter sido reconhecida pelo SUS há 28 anos, o maior acesso ao tratamento só ocorreu em 2006 com a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares, e ainda assim, é de difícil acesso.

Keywords:
Bruxismo; Acupuntura; Odontologia

Click to download Free PDF